ELABORAÇÃO DE VINHOS BRANCOS

           O método de elaboração de Vinhos brancos na Vinícola Giacomin visa, antes de tudo, a manutenção das características sensoriais peculiares de cada varietal (Riesling e Moscato Giallo). Afinal, os vinhos brancos brasileiros são conhecidos pela sutileza de seus aromas e pelo frescor do seu sabor. Em função destes aspectos, as uvas são colhidas dos vinhedos da família, nas primeiras horas da manhã e processadas imediatamente. A utilização de técnicas apuradas de desengace, prensagem e debourbage a frio, permitem a obtenção de um mosto limpo e protegido das oxidações. A etapa fermentativa ocorre em tanques de aço-inox, em temperatura controlada (~16°C), com o uso de leveduras selecionadas, além do controle periódico (em escala analítica e sensorial) realizado pelos enólogos da Vinícola.


ELABORAÇÃO DE VINHOS TINTOS

          Na elaboração dos vinhos tintos, as uvas são submetidas aos cuidados tradicionais, para que as características de cada variedade sejam protegidas ao máximo. Além disso, ha um controle especial sobre a maturação fenólica de cada uva (Merlot, Cabernet Sauvignon e Ancellotta), uma vez que as mesmas possuem estruturas polifenólicas variadas, as quais permitem o uso de diferentes técnicas de elaboração. Desta forma, obtêm-se vinhos com perfis definidos e aptos a distintos períodos de envelhecimento em carvalho e posterior guarda até o momento de seu consumo. Some-se a isto, os inúmeros cuidados durante os períodos de maceração e fermentação (delestage, remontagens, momento adequado de descube, por exemplo), que formam o tripé da qualidade superior apresentada pelos varietais Giacomin, em suas linhas Reserva e Gran Reserva. O uso de outras técnicas, como por exemplo, a da fermentação malolática, irá depender do tipo de safra em questão.


ELABORAÇÃO DE ESPUMANTES

          E le gran finale não poderia deixar de ser a marcante presença dos espumantes naturais. Para a elaboração do Giacomin Espumante Brut, optamos pelo método Charmat, que fornece espumantes jovens e frutados, que se harmonizam perfeitamente com os mais variados pratos, tornando-os uma companhia agradável para qualquer momento. Apenas para lembrar, neste método, a tomada de espuma (obtenção natural de gás carbônico - formação do perlage) ocorre em grandes recipientes. Posteriormente, o espumante é filtrado e engarrafado, em equipamentos isobarométricos (para evitar a perda de gás). Finalmente, são acondicionados em cavas até o momento de sua comercialização.

          O Giacomin Moscatel Espumante é elaborado através do método Asti. As uvas são desengaçadas e prensadas suavemente. O mosto obtido é fermentado parcialmente, ou seja, inicialmente ocorre a fermentação até que se obtenha aproximadamente 6% de etanol. A seguir, fecha-se a autoclave e procede-se a tomada de espuma (de forma similar ao processo Charmat) até que se atinja uma graduação alcoólica de 7,5% v/v. Resfria-se bruscamente o líquido até uma temperatura próxima dos -3°C, o que faz com que o processo fermentativo cesse. Esta condição térmica é mantida por aproximadamente 15 dias, quando o espumante é então filtrado e engarrafado. Seu baixo teor alcoólico, sua doçura (natural da própria uva), seu perfil aromático e gustativo marcante, são suas virtudes mais apreciadas.


GRAN RESERVA
  •MOSCATO GIALLO
  •CABERNET SAUVIGNON 2001
  •CABERNET SAUVIGNON 2002

RESERVA
   •RIESLING
   •MOSCATO GIALLO
   •MERLOT
   •CABERNET SAUVIGNON
   •ANCELOTTA

ESPUMANTES
   •ESPUMANTE BRUT
   •MOSCATEL ESPUMANTE

CLÁSSICO
   •CABERNET SAUVIGNON

  VINÍCOLA GIACOMIN LTDA.

Fone/Fax: (54) 3211 3600

Flores da Cunha - RS - Brasil